Séries temáticas – parte 1: Medicina

dr-houseDevido à grande variedade de séries produzidas, é praticamente inevitável classificá-las em categorias. Temos séries sobre política, como é o caso de House of Cards, Scandal e Veep; e sobre outros assuntos como família, investigação criminal e acontecimentos sobrenaturais – esses tópicos serão abordados nos posts seguintes.

Sendo assim, um dos temas que serviu de base para várias produções televisivas foi a medicina. Então vamos a uma lista com algumas das séries que abordaram esse tópico:

1- ER (1994-2009)

ER1

ER, conhecida no Brasil como Plantão Médico já foi abordada no post sobre as séries dos anos 1990. Porém, não tem como falar em medicina e não citá-la novamente.

A produção rendeu 15 temporadas e conta a história conta a rotina vivida por médicos na ala de emergência do hospital County General de Chicago, Illinois. A trama aborda também a vida pessoal dos médicos que lá trabalham.


2- Grey’s Anatomy (2005-hoje)

O seriado é um dos mais populares atualmente quando se trata de médicos na tv. Prova disso é que a produção completa 10 anos neste ano, ainda com fôlego.

A série mostra a rotina de um fictício hospital cirúrgico Seattle Grace, em Seattle, Washington. O local oferece um programa de residência em cirurgia médica muito rígido.

Grey’s Anatomy conta a história da protagonista, a doutora Meredith Grey, e dos colegas internos, sendo alguns deles: Cristina, Izzie, George e Alex. Além de mostrar a rotina do hospital, a trama foca também na vida pessoal dos médicos.


 3- Private Practice (2007-2013)

Private Practice

Private Practice foi o spin-off de Grey’s Anatomy que rendeu seis temporadas. A produção narrava a vida da doutora Addison Montgomery.

A série parte do ponto quando ela deixa o Seattle Grace Hospital. Após sair do hospital, palco de Grey’s Anatomy, Addison trabalha em um consultório particular em Los Angeles, na Califórnia.


4- House (2004-2012)

House

Não vou esconder que House foi minha série favorita sobre medicina. Os motivos que me ganharam foram os mesmos para muita gente: o protagonista e as doenças esquisitas.

O doutor House era um infectologista e nefrologista que se destacava pela capacidade apurada em diagnosticar casos de saúde até então misteriosos. Ele contava com uma equipe de médicos que aprendiam com o protagonista e ao mesmo tempo, auxiliavam no descobrimento da causa das doenças a fim de solucionar e melhorar o estado de saúde dos pacientes.

Mas House não era um homem simples. Ele vivia de mau humor, tratava mal muita gente, até mesmo o melhor e único amigo, o doutor Wilson, oncologista; e a doutora Cuddy, responsável pela administração do hospital, com que mantinha um relacionamento complicado.

A série se passava em um hospital universitário fictício chamado Princeton-Plainsboro Teaching Hospital, em Princeton, Nova Jersey.

3 comentários sobre “Séries temáticas – parte 1: Medicina

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s